Censo demográfico, UX e paradados

Este texto (publicado na revista Estudos em Design) apresenta os resultados preliminares de pesquisa para avaliar a experiência do usuário (UX) no preenchimento de questionários na web, aplicados em censos demográficos. Questionários via internet para pesquisas censitárias precisam apresentar avançados atributos de usabilidade de modo a facilitar o seu preenchimento pelos cidadãos brasileiros. Neste contexto, pretende-se avaliar se os paradados – registros de interações entre os usuários e o próprio questionário – podem apontar inconsistências nos instrumentos de coleta dos censos. Em oito bases científicas online, foram efetuadas buscas e os resultados trouxeram importantes insights. O trabalho de pesquisa faz parte do doutorado da Patricia Tavares (minha colega do IBGE), da qual eu sou o coorientador, e é assinado também pela prof. Simone Bacellar (a sua orientadora da Unirio).

Baixe o artigo: Censo Demográfico e Paradados: Em Busca da Melhor Experiência para o Usuário

Revista Estudos em Design, Rio de Janeiro, RJ, Brasil, ISSN Impresso: 0104-4249, ISSN Eletrônico: 1983-196X

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s