Tropa de elite (1)

Congresso da Sociedade Brasileira de Design de Informação, em Curitiba.

Fiquei um tempão sem atualizar o blog por causa de um monte de fatores: viagens a diversos congressos de Design, problemas com o Virtua e preparativos finais para a defesa de minha tese. Mas hoje resolvi tirar o atraso: na foto, com a tropa de elite do IBGE (Marcos e Ana Cláudia) no Congresso da Sociedade Brasileira de Design de Informação, em Curitiba.

Aniversário do Ziraldo

Cartum sobre o aniversário do Ziraldo

Nani - Cartum sobre o aniversário do Ziraldo

Recebido do Blog do Rico:
Hoje, 24 de outubro, o cartunista ZIRALDO está fazendo 75 anos. Como não poderia deixar de ser, alguns cartunistas resolveram lhe prestar uma homenagem. É uma bela exposição virtual, onde os amigos Airon, Amorim, Antônio Eder, Arionauro, Bira, Crist, Edgar Vasques, Edra, Fernandes, JBosco, Jean, Jorge Barreto, Kemp, Lelis, Mayrink, Miran, Nani, Orlandeli, Paulo Caruso, Pelicano, Rico, Santiago, Son Salvador e Spacca fazem sua homenagem ao Mestre através de seus trabalhos. Ainda não estão todos os convidados no blog, mas no decorrer do dia iremos acrescentando os trabalhos que forem chegando.

Acesse: www.ricostudio.blogspot.com e divirta-se!

Protocolo retrospectivo nos testes de usabilidade

O protocolo retrospectivo (PR) – também conhecido como “teste retrospectivo” ou “protocolo verbal subseqüente auxiliado” – difere dos protocolos verbais concorrentes ou simultâneos (PC). Nele, em vez de verbalizar os pensamentos durante a realização da tarefa, os participantes do teste completam as tarefas silenciosamente e verbalizam os pensamentos depois – após terem assistido a um vídeo com a gravação da sua performance. Embora esta técnica possa fazer a situação de teste se tornar mais natural, pode dobrar ou triplicar o seu tempo de duração. Na minha pesquisa, o protocolo empregado foi misto (um seguido ao outro).

Nesta gravação, alguns exemplos retirados dos meus testes de campo. Confira!

Ferramentas online de AI e Usabilidade

Eye Tracking Online
http://www.freewaregenius.com/2007/09/18/feng-gui-viewfinder-heatmap/
http://www.feng-gui.com/

Alguns acham este simulador automático de eyetracking uma balela, pois esse tipo de teste depende do contexto sócio-cultural dos usuários e inúmeros outros fatores perceptivos e cognitivos. Trata-se de uma aplicação de “inteligência artificial” que simula o caminho comum do olhar das pessoas em uma imagem estática ou página da web. Podemos indicar uma url ou fazer o upload de uma imagem gif, por exemplo, e o site gera um “mapa de calor”. Mas será que os conceitos da percepção visual são os mesmos em qualquer lugar do mundo ou podem ser reconstruídos por um algoritmo matemático independente de diferenças culturais e de seus contextos? Cabe verificar, mas eu fiz alguns testes e tive a sensação de que o algoritmo está furado.

Card Sorting Online
http://www.optimalsort.com/pages/default.html
Este serviço online foi idealizado pela arquiteta de informação Donna Maurer e sua equipe. Trata-se de uma ferramenta profissional de apoio a avaliações com usuários realizadas por meio da técnica de classificação/organização de cartões.

Mais Card Sorting: Web Sort
http://websort.net/
Faz o mesmo que o Optimal Sort. Tem ferramentas de análise dos dados, assim como papers ensinando como fazê-la. As suas planilhas podem ser importadas para o EZCalc (há um link para o download deste programinha). Para até 10 participantes é gratuito.

Programinha de Card Sorting – para Download
http://www.cardsort.net/downloads.html
Este site disponibiliza o download de um software para PC ou Mac com o objetivo de te auxiliar na realização de estudos baseados em cardsorting.

StickySorter: Diagrama de Afinidade para Download
Este software pode ajudar no cardsorting e é free.
http://www.officelabs.com/projects/stickysorter/Pages/default.aspx

Teste de Usabilidade Online
http://www.robotreplay.com/
O serviço é bem interessante, principalmente por ser gratuito, mas não pode ser considerado um teste de usabilidade verdadeiro, na medida em que não tenha cenários, tarefas, público-alvo, contexto de uso ou protocolos de verbalização. A definição da amostra é sempre por conveniência. Mas acho bom para ser adotado em blogs e sites pessoais, mais como uma curiosidade…